domingo, janeiro 31, 2010



Sem qualquer conotação política!!!

Torneio dos 29


Simplesmente que os dois vencedores do Australian Open/2010 fazem em este 29 anos!

Serena a 26 September 1981

Roger a 8 August 1981

Apenas coincidências,,,

Sabia?

E o tal comentador sabia quem fundou ATporto?

.

Pois bem,,,

No dia 8 4 de 81, a Comissão Instaladora da Associação de Ténis do Porto deu conhecimento por escrito à Federação Portuguesa de Ténis, cita na Rua Arco do Cego nº 90 – 6ºesq. Lisboa (a), recebida por esta a 13 de Abril, que tinham constituído no dia 31 de Março a referida associação em acto notarial no 4º cartório da cidade do Porto. A referida carta foi assinada pelo senhor Fernando Almeida.

.

Presentes como outorgantes:

.

Primeiro - Aurélio Homem Ribeiro

Segundo – Carlos Alberto Pessoa Ferreira Gonçalves

Terceiro – Carlos Manuel Albuquerque Oliveira da Quinta

Quarto – Fernando Maria Guedes de Almeida

Quinto – Firmino de Jesus Moreira da Cunha.

.

.

(a): onde estavam instaladas outras Federações entre elas a de Tiro com Arco (casualmente até tirei um curso de monitor desta modalidade)

sábado, janeiro 30, 2010

sexta-feira, janeiro 29, 2010

Esta podia ser a música dedicada pelos Enfermeiros à Ministra da Saúde

Seringas


Algo está mal na luta da classe dos enfermeiros

Têm razão mas era perfeitamente evitável que falassem em salários comparados com outras formações profissionais

Também, me parece errado nalguns casos, tecerem graus comparativos com a classe médica, ou sugerirem como já vi escrito, que há quem faça dos enfermeiros empregados dos médicos.

São empregados dos médicos quando estes lhes pagam o ordenado e nada mais.

Julgo estar a haver dois erros tremendos nesta luta:

.

1 - Fica a sensação que os enfermeiros pensam que “são tanto como os outros” o que no meu entender, não são. São uma classe profissional que deve e apenas lutar pela sua afirmação e garantir os auferimentos e regalias que entendam ser merecidas dentro do seu universo laboral, e sem comparação com ninguém, muito menos com quem está noutro universo de formação.

2 - Introduzir por defeito nesta luta a classe médica, ou seja, em vez de quererem elevar o estatuto de enfermeiros por serem especialistas com formação e constituírem com os médicos o suporte vital da saúde, estão a querer colocar-se em pé de igualdade com uma classe secular – é um erro até de apreciação cultural.

.

Para todos os efeitos o Médico é o senhor Doutor, e doutorado em enfermagem não deixa de ser aos olhos do povo o Enfermeiro e esta “Verdade” não vai ser alterada com lutas; só será ultrapassada no dia que a enfermagem passar a ser uma especialidade da medicina. Aí teremos Doutores em Enfermagem como os temos em Cardiologia/Estomatologia só para citar dois.

Neste caso farão o acesso ao curso de medicina com as exigências que eles apresentam.

Reconheço como toda a gente, que têm direito a reclamar, a fazer greve com as consequências que daí advêm – sei de um médico amigo que não operou porque não tinha a sua equipa de enfermagem para o “ajudar” e, curiosamente este meu amigo nem sequer se queixou, sinal de compreensão e respeito pela luta que está a ser travada.

Esta e das tais situações que por si só, dá para todo o mundo entender o quanto são imprescindíveis à saúde e são complemento da actividade do médico; o contrário também é aceitável.

.

Porque abordo este tema aqui neste espaço?

Porque para além do desporto andar de braço dado com a medicina, sento que esta luta vai ser igual à dos professores, com disparates atrás e disparates; a diferença na preocupação é que nos “profs” os alunos ficaram prejudicados mas ainda assim puderam curtir uns com os outros e praticar ténis – no caso presente a brincadeira pode originar a morte, danos irreparáveis ou apenas, e que este seja o mal maior, umas horitas de sofrimento para o pessoal que necessite de cuidados de saúde.

Vejam se resolvem o assunto depressa; não façam como os casos na Justiça...


.


Inácio

quarta-feira, janeiro 27, 2010

Há tertúlias melhores...

Há comentários http://portugaltenis.blogspot.com/2010/01/australian-x-tenis-lusitano.html que valem a pena ser lidos pela exposição, conteúdo e elevação do pensamento.

Evidente que a minha relação com o promotor do sitehttp://tenisemportugal.blogspot.com/ é sobejamente conhecida, mas nem por isso deixa de ser gratificante quando reconhece que nem tudo o que digo é disparate e nem tudo o que os “filhos da nação” fazem é em prol do ténis.

Na verdade hoje somos cada vez mais confrontados com pensamentos medianos em relação a muita coisa menos ao “venha a nós o vosso reino”.

Quando clamo para que a Justiça neste país actue, faço-o com conhecimento de causa, com anos de experiência, e para que não aconteçam os mesmos erros do passado; ao menos os erros “que sejam outros”.

Independente de tudo o que está exposto no comentário, outros não ousarão comentar porque terão de se identificar (antes eram anónimos, mas neste momento lamento – na minha casa não admito que me chamem ladrão), a verdade é que o Estado Português anda há anos a ser enganado pela FPT, quer nos programas que suportam o PO quer na correlação entre este e o RC e mais recentemente na vergonhosa aprovação de um Estatuto que fere a lei, e que foi aprovado pelas associações de forma a que mantivessem a hegemonia nos destinos da modalidade.

Infelizmente o IDP não tem técnicos credíveis na área do ténis que é uma modalidade específica e por isso comem toda a basura que lhe apresentam. Engolem na parte técnica, engolem na administrativa e na legal, e esta última é a que mais me espanta! ou talvez não devesse ficar admirado porque vai na linha do que se pratica no país.

Evidente que Calheiros Lobo não terá uma visão tão pessimista do ténis como eu, mas para lá caminha, bastando esperar mais 6 anos e verá que afinal o que lhe disse tantas vezes em 1988/89/90 etc é a Cedilha debaixo do (Ç) cedilhado.

Estamos mal servidos de quase tudo; temos maus formadores e consequente, maus técnicos. Maus dirigentes e maus sucessores para esses cargos e isso é problemático. É a roda da vida; o desemprego gera desemprego, incompetentes dão lugar a outros incompetentes, porque se rodeiam deles e assim a roda da vida vai girando.

Para parar este estado calamitoso em que se encontrava a modalidade em determinada altura, foi sugerido ao Secretário de Estado do Desporto, a pedido de altas pessoas da praça pública, em documento, vai para alguns anos, que suspendesse as dotações à Federação de Ténis para que se pudesse “limpar a casa”. Sei que era uma sugestão de suspensão temporária e permitiria instaurar também em simultâneo uma auditoria externa, sendo sobejamente sabido que as auditorias do IDP redundariam em nada; era o mesmo que pedir a um larápio para guardar a casa. A vergonha não permite, que nem quando os Jornais falam de auditorias o IDP, esta dê a conhecer publicamente o resultado da mesma.

A oportunidade perdeu-se; não tarda os prazos esgotam-se e os processos são arquivados por velhice. O mesmo se passa com o ténis. Os meninos vão crescendo, desaparecem, e voltam 15 anos mais tarde trazendo os filhos para a ARA em que foram sacrificados. Quis inverter o passeio dos tristes; queria oferecer a Portugal a oportunidade de contar com um grande senhor do ténis: Antonio Arans.

As associações não quiseram um presidente com 43 anos de ténis, e estavam no seu direito. Não tinham no entanto o direito de cometer ilegalidades, e algumas fizeram-no conscientemente e com interesses manifestos, razão pela qual, em vez de Impugnar Administrativamente, preferi avançar com uma Denúncia no Ministério Público.

Em tudo poderemos passar uma esponja, menos nos sonhos que são desfeitos por interesse de uns quantos que há anos que andam a governar-se à custa do ténis, (até pode ser só comida para o ego), mas não deixa de ter como lesados toda uma juventude ( e não só) que sonhou...e tem o direito de sonhar.

É nessa visão que me interrogo se vale a pena lutar por uma causa que se sabe cada vez mais perdida. Com a idade que tenho reconheço-me a competência de perceber que “n” projectos são errados e só servem para ganhar dinheiro.

Os meninos e as meninas vão continuar a desistir; vão continuar a sonhar e posteriormente a procurar outros entretimentos que lhes dêem mais prazer com menos suor e mais gemidos, de preferência de gozo.

.

Os que vendem sonhos e a luz ao fundo do túnel vão continuara a vender a banha da cobra, o fundo nunca mais se alcança, mas eles dormem descansados porque os pais continuam a ser crentes – basta vê-los embevecidos com as vitórias caseiras dos seus “pequenos génios”. Mais tarde, quando desistirem, desaparecem do ténis, “os filhos e os pais”, e a culpa morre solteira porque não estão para se chatear. Já chega o conjugue que lhes consumiu a paciência durante anos...

.

Reconheço que lutar dá canseira, é pescar inimigos, ter dissabores, por isso mais vale que o gaiato se divirta, não “snif” umas ganzas, não se perca em www.hardsexporn...qualquer coisa, ou tenha desvios de comportamento sexual.

.

Caro amigo João; continua a correr na S. Silvestre, a jogar ténis, diverte-te com o teu filho, não te chateies, deleita-te, porque a maior parte daqueles por quem esgrimi as minhas ideias, foram os primeiros a rasteirarem-me, e com declarações imbecis vertidas para a acta da vergonha.

.

Como não fui convidado para a inauguração do Complexo de Lousada – (a saber fui quem introduziu esta autarquia na ATPorto, o mesmo acontecendo com o Presidente da F. Galega, e incentivei o actual presidente da direcção do Porto a candidatar-se, possivelmente por isso eu estava a afundar a instituição) não conheci o SED

Perdi assim a oportunidade de comprar e oferecer o presente que tinha em mente para ele...

.

João, termino dizendo-te, e a quem gosta de Literatura e debates em espaços de qualidade, que sempre que puderes participa nas reuniões que se fazem no Clube Literário do Porto, (podes ver as acções no site http://www.clubeliterariodoporto.co.pt/) onde por iniciativa da http://edita-me.blogspot.com/no último sábado pude apreciar em debate alguns dos melhores escritores em Fantástico e FC.



Soberbo
Who said GOD is a man




post/Inácio

terça-feira, janeiro 26, 2010

IOP

No post OE (http://portugaltenis.blogspot.com/2010/01/oe.html ) inseri a sigla, IOP.

Para que se saiba, quer dizer: imposto para otário pagar


Fica a explicação

Será lettra,,,

Quando a esmola é muita o pobre desconfia!!!

Mas a idade aconselha a ser condescendente e dar o benefício da dúvida, razão pela qual, perante a proposta a solicitar a minha subscrição na newsletter do Movimento.ProTénis2010, acedi...but!. Fico atento, porque até à data não sei que instrumentos tocam para além de divulgação de algumas falhas e resultados.

Esperemos pelo resto da do hino da mocidade portuguesa.

.

Mas espero que antes de publicar notícias como a que refere o Gonçalo Pereira vindo da Bola http://www.protenis2010.org/2010/01/25/goncalo-pereira-falha-acesso-ao-quadro-principal-em-murcia/, se procure perceber o que de facto se passou – e não me passa pela cabeça aceitar que um jornal desportivo publique que...

.

O tenista português Gonçalo Pereira falhou o acesso ao quadro principal do torneio Futures que está a decorrer em Múrcia, Espanha, depois de perder por 6-4 e 7-6(2) diante o anfitrião Javier Padilla Jerez na fase de qualificação.

.

...quando na verdade o jogador foi eliminado na 1ª ronda.

Falhou, isso sim, a possibilidade de jogar a 2ª ronda da fase de qualificação

segunda-feira, janeiro 25, 2010

Australian x Ténis Lusitano

Quando analisamos na net, que por exemplo que a média de idades dos 1/4 finalistas do Australian Open é suprior aos 25 anos e 2 deles têm já com 29 anos! lembramo-nos imediatamente do ténis dentro portas

Por cá, neste Portugal dos Pequeninos (que não tem nada a ver com Coimbra) os iluminados, (e aqueles que dizem que se eu continuasse na ATPorto acontecia o mesmo que ao Titanic) apostam no mini-ténis talvez por saberem (os anos já são suficientes para tirar conclusões) que a partir dos 16/17 os rapazes desistem (por cansaço ou estarem fartos de aturar alguns técnicos que não conseguem “pelotear com niños de 12 años”)

..

Gostamos de ser os maiores da Europa em qualquer coisa

.

Seremos então a maior potência da Europa em babytreino

.

Viva o babyténis

OE x AO, ganha o AO

Algumas curiosidades no Australian Open 2010-01-25

MD Masculino

Só 1 jogador por país

Os ¼ finalistas são todos Cabeças de série

(Idades do ano a que se refere a competição)

Média = 25,5

Dos quais metade têm idade igual ou superior a 25 anos

Roger Federer SUI (1) 29

Rafael Nadal ESP (2) 24

Novak Djokovic SRB (3) 23

Andy Murray GBR (5) 23

Nikolay Davydenko RUS (6) 29

Andy Roddick USA (7) 28

Jo-Wilfried Tsonga FRA (10) 25

Marin Cilic CRO (14) 22

domingo, janeiro 24, 2010

OE

Seria um erro não haver acordo para viabilizar o OE 2010...uma irresponsabilidade, uma leviandade


Imagino como a N/família reagiria se ousássemos dizer: Este mês não pago a prestação do carro porque vou "laurear o queijo numa casa de tias", ou, vou num cruzeiro de férias com as minhas amigas, toma conta dos netos “quirido”!!!

Tenhamos paciência; o OE é menos importante que a preservação das expectativas e o futuro dos Portugueses – não é para aprovar porque...não aprovar seria um erro.

Trata-se de coisa séria; o país necessita de um orçamento, claro e indiscutível, mas necessita muito mais que a política não seja um jogo de, «ora agora tocas tu...logo toco eu», ou arriscamos levar com o IOP

Que se aprove o orçamento, mas com seriedade, que é coisa que os políticos há muito têm deixado a desejar.


Bom domingo

sexta-feira, janeiro 22, 2010

Recebi no meu email 2 avisos de comentários no blog.

Ao segundo comentador agradeço a defesa “but”... not necessary .

.

Sobre o facto de não saber quem foi o fundador, dou a conhecer que tenho a cópia dos Estatutos da fundação da associação, enviada pela FPT, e só essa é válida.Porque tenho outras coisas que são falsas...(correcçaõ do texto)

.

Quanto a porem-me fora, o comentador saberá sobre o que escreve.

.

Nunca mamei; nem quando era pequenino; fui amamentado a biberão esterilizado, usava fraldas de pano, e chorava como qualquer outra criança.

.

E sua eminência!

Chorava ou uivava?

Ler (!) já deu para perceber que tem dificuldade.

Apresentação da Revista Dagon é já amanhã

Soltas à solta

Fed Cup

.

Laurentino Dias preside a apresentação oficial!!!

.

Muito bem.

Ao menos que “presida”


Acabaram as fintas!

.

http://www.ojogo.pt/26-21/artigo843955.asp

...os tenistas que sentirem cãibras a meio de um jogo não podem interromper o set e pedir assistência médica. A medida entrou em vigor neste Open da Austrália, na sequência de uma alteração nas regras para 2010, conforme um acordo entre as associações profissionais (ATP e WTA) e a Federação Internacional de Ténis (ITF). Segundo o novo regulamento, quem sentir cãibras pode ser atendido até duas vezes ao longo do encontro, durante três minutos, mas só nas mudanças de lado ou no intervalo dos sets.(o Jogo)

No decurso deste espaço, e vão mais de três anos, aliás tb no seguimento do que sempre pensei e em fui duramente criticado (cá dentro), vêm agora os organismos internacionais alterar um procedimento/regra, que para além de injusto para quem está atleticamente e psicologicamente preparado, é um espectáculo medíocre e que só servia para a mijinha-time dos espectadores do sofá.

Demorou a compreender o quão degradante era o espectáculo de ver alguém “esticado” no chão a ser observado por 1 Phisio e depois o Chair-Empire com o seu ar de mestre-de-cerimónias anunciar ao micro aquilo que todos estávamos a ver e que só ele não via: «o menino estava nas lonas e usou a prerrogativa para fintar o seguro»

A alteração que sirva para anular definitivamente e a curto prazo a possibilidade de alguém ser assistido durante o encontro por motivos de cãibras, porque elas não fazem parte do rol das lesões, e uma lesão, até em termos clínicos, em 99% dos casos provoca o abandono do atleta (pelo menos nos desportos colectivos, pois os médicos, regra geral, não arriscam agravamento de lesões) porque precisam deles para os jogos seguintes, e nisso o futebol é exemplo.

Porque será que o dirigismo no ténis anda sempre atrasado em relação ao futuro? Será por falta de inteligência?



Turbilhão

O MovimentoProTénis2010 (!)

Cheira-me que se preparam para ser mais uma espécie de Site de Resultados, e a breve trecho viram Press Partner de alguém...

quinta-feira, janeiro 21, 2010

Recebi uma visita proveniente da cidade do Porto com a palavra-chave:

Quem fundou a atporto?

.

De momento não me recordo de quem fundou; mas quem a tem vindo AFUNDAR, é fácil de saber...


 
Web Analytics